08 maio 2014

Não e nada de mais e só a saudade.


Hoje mais do que nunca a saudade bateu a minha porta. E eu com o peito apertado de dor já não aguentando mais sofrer por ter que carregar aquele peso todo respondi que ela fosse bater na porta de quem ela quiser porque lá em casa já tinha muita gente para alimentar e para dar dormida. Ela insistiu e continuou a bater e a dizer:
- Escolhi tua porta para bater porque vim não só para lhe atormentar e te deixar  com esse vazio no peito como vim para te contar um simples segredo,eu com aquele peso no coração e aquele medo de abrir a porta respondi dizendo o seguinte:
- '' Tudo tem limites procure outro lugar pra ir contar seu segredinho afinal de saudade aqui em casa já chega.''
E ela continuou a insistir
 - Abra a porta por favor tem algo que você precisa saber, de tanto ela insistir acabei abrindo a porta  e a convidei para um chá. Quando ela entrou falei pra ela: 
- Sente-se e sirva-se, ela olhando pra me com aquele olhar de pena me disse bem serei breve no que vou falar antes de tudo me desculpe se isso que vou falar te ferir. 
- O segredo que você precisa saber é que em cada porta que eu bato há um pouco de me por lá ninguém consegue se livrar de me alguns tentam outros as vezes consegue um simples reencontro outros já sofrem mais só sei que todos passam pela minhas mão todos são torturados por eu também. 
Respondi dizendo: 
-Hoje tudo que eu quero e a paz que acalme a alma e esvazie o coração de toda negatividade tudo que eu quero e apenas me ver livre por alguns dias da saudade apenas isso será pedir demais? Custa alguém me conceder esse simples pedido e honrar minha honestidade ao falar do que quero? Eu volto a dizer eu quero apenas isso só isso me basta. Tudo bem eu sei que  sempre corri da saudade e dos  problemas, pois só eu sei o quanto doí a saudade e o quanto sufoca os problemas, eles são como ondas do mar uma hora esta bem baixinha em questão de segundos o mar fica bravio, mas só hoje tive a coragem de bater de cara com meus problemas e com a saudade, dessa vez vou lutar e lutar contra os meus problemas e contra meu próprio coração que inventou a saudade agora se tiver um pouquinho só de paz eu me contento em apenas descansar isso só me basta. 











Nenhum comentário:

Postar um comentário